Marcas brancas

Crise. É o assunto nº 1 em todos os tablóides portugueses.
As medidas de austeridade do Sr. Primeiro Ministro José Sócrates estão dando o que falar.

Para quem está por fora, resumidamente é o seguinte: Portugal está quebrando e tem que entrar dinheiro nos cofres públicos. Em maio, precisamente no dia 13 (eu lembro pq estava no Porto com meus pais, comendo uma francesinha… prato que terei gosto em explicar em outro post) o Sócrates anunciou as medidas, que incluíam a subida do imposto (IVA) em 1%, a redução em 5% de salários de políticos (sim, dos políticos) entre outras coisitas.
Não parece ter sido o suficiente, então ele teve que propor mais medidas… Aí é muito complexo, eu já tô confusa com a alteração da contribuição do IRS, com o corte nos benefícios, com a mudança dos itens de consumo básico e não quero que isso vire uma discussão política. Foi apenas para justificar a razão de ser deste post.

Já tendo citado rapidamente que estamos em tempos de crise e que para compensar o dinheiro a mais que vai sair de qualquer jeito, temos que nos reinventar e reduzir onde pudermos.

Uma das sugestões é deixar de consumir produtos de marca e optarmos por produtos de “marca branca”. O que raio é isso? São aqueles produtos que são do mercado, ou são daquela linha de produtos económicos.
Os mercados aqui que têm produtos de marca branca (pelo menos os que eu conheço) são: Continente, Pingo Doce, Jumbo (Auchan) e MiniPreço (Dia).

Fiz uma comparação, para ilustrar melhor o que eu quero dizer:

Feijão Preto Caçarola (500g): € 1,19
Feijão Preto Continente (500g): € 0,89
Feijão Preto Auchan (500g): € 0,89

Em vermelho é o produto de marca, e em verde é o da marca do supermercado.

Nunca experimentei o Auchan (da rede Jumbo) porque não tem Jumbo aqui perto, mas o Continente eu garanto que é tão bom quanto o Caçarola. São € 0,30 poupados em 500g de feijão.

Temos que perder o preconceito com produtos de mercado, porque alguns são de excelente qualidade!
Não vou dizer que a Cola do Pingo Doce é tão bom quanto a Coca Cola. Mas outros produtos ficam bem próximo à marca de “inspiração”.

Vou citar alguns dos que já experimentei e aprovei:
Iced Tea do Pingo Doce, caixa com 1,5 litros: €0,50
O de limão é muito bom, meu marido adora o de manga light. O preço do  iced tea da Lipton é € 1,18 a garrafa de 1,5 litros, e €1,37 na garrafa de 2litros.

Profiteroles  Continente Gourmet, caixa com 330g: €2,99
Esse é maravilhoso… recheado com creme de natas e vem dois sachets de calda de chocolate. É perfeito.
Já provei o do Pingo Doce (€1,99), mas vem rechedo com sorvete de baunilha, e eu achei bem enjoativo.
O do Continente é igual a um de marca (que eu sempre esqueço o nome), que custa pra aí uns €4,50 na mesma quantidade.

Atum ao natural Continente, lata: €0,59
Não deve nada aos de marca, o atum é rosadinho, no ponto certo de sal, conservado em água, light e prático.

Fiambre da Perna Extra Fumado Pingo Doce, a granel: €7,59/kg
Simplesmente é o melhor fiambre (presunto, no Brasil) (de)fumado que eu já provei. Esquece os de marca. Essa é a minha primeira opção e ponto final. Já provei o do continente, mas não é a mesma coisa…

Molho de Tomate Frito El Corte Inglés, caixa com 400g: €0,65
É um molho de tomate, sem temperos, apenas o tomate refogado, e na caixa ainda há a descrição “Spanish Tomato Sauce”.
Pra mim é o melhor molho de tomate industrializado que existe. Já experimentei todas as marcas, em busca do meu “pomarola”, mas não tem pomarola aqui, e a Heinz que me desculpe, mas o molho de tomate pronto de vcs não tem graça nenhuma. O lance de vcs é fazer catchup e pronto. Se eu quiser um molho de tomate caprichado e tenho tempo, eu faço o molho. Mas se não tenho tempo, minha escolha é o Tomate Frito do ECI. O Pingo Doce tem um tomate refogado que tb é bom, mas é a minha 2a. opção, apesar de custar €0,23 a caixinha com 200g.

Salsicha em conserva do Pingo Doce, 250g (5 unidades): €0,99
É ótima pra fazer hot dog. Não vou mentir, existem salsichas melhores, mas se o objetivo é economizar, essa é perfeita! Tem ainda uma opção com salsichas maiores, são mais salsichas, num total de 750g, que fica mais ou menos a €3,80 (tenho que confirmar esse preço, mas não foge muito disso).
A do Continente não é tão saborosa, é um pouquinho mais cara (a de 250g fica a €1,26) mas quebra um galho.
O que vale ressaltar é que ao contrário do que eu esperava, salsicha de hot dog é um item caro. Eu achava que, por ter mais carne de porco aqui, seria mais barato, mas não. O mesmo vale para linguiça de churrasco. Bem carinho…

Ainda tem outros itens de marca branca que eu já experimentei e gostei muito, mas não tenho perto o valor e quantidade para relacionar.

Outros itens que aqui são bastante caros, e que comprar o de marca branca sempre vale a pena: papel higiênico, papel toalha (rolo de cozinha), lenço de papel (tipo kleenex).

Fica a ideia para quem quiser experimentar. Acho que dá pra reduzir um pouco as contas de casa optando por produtos mais baratos e ainda sim de qualidade, não é mesmo?

Beijos  todos,

Carol.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s