E fui ao posto médico

E fiquei hoooooras esperando.

Aqui em Portugal as coisas são diferentes. A rede pública é mais preparada que a particular, então não é fundamental ter um plano de saúde, como no Rio, por exemplo. Funciona bem, e nem sempre tem que se esperar tanto, mas de qualquer jeito tem que pagar uns pecados pra ser atendido pela primeira vez.

É de se esperar que todos tenham um registo no centro de saúde da sua região, e lhe será (ou não) atribuído um médico de família. A mim não foi, então assim que eu descobri que estava grávida, tinha que falar com qualquer um disposto a me atender.

Na 6a. feira, dia 30/09, fui no centro de saúde pra transferir o meu registo. E lá a menina foi super simpática e me disse pra estar lá na 2a. feira, às 8 da manhã pra pegar uma senha e tentar ser atendida.

Cheguei lá no dia esperado, às 8:15 e peguei uma senha e fui pré-atendida pela mesma pessoa que falou comigo na 6a. feira. E ela foi super simpática, mas não tinha mais médico pra me atender e pediu pra voltar no dia seguinte e tentar de novo. Eu perguntei se não tinha como já marcar uma consulta pra ir lá num dia certo, mas como não tenho médico designado, não seria possível. Então ela ligou pra um, ligou pra outro, e perguntou se eu poderia voltar lá às 10:30. Eu disse que sim, é claro.

Já eram quase 9h, então não me custou muito esperar.

Dei uma volta, fui ao mercado, facebookei, e às 10:25 estava eu ao lado da menina dizendo “tô aqui!!”. A médica que ela conseguiu me encaixar num esquema se atrasou, então quase às 11h eu fui atendida pela enfermeira que me fez várias perguntas sobre meu histórico médico-familiar, sobre meu período, se a gravidez era desejada, sobre alimentação, roupas, calçados, o que posso fazer, o que não posso etc.

Fez as contas do meu tempo de gestação e disse que estou com 4 semanas.
Vejamos bem: eu fui lá a 03/10. E meu último período foi em 01/09. Que contas são essas que dizem que engravidei menstruada? E o período fértil? E o tal sangramento de nidação? Enfim… deixei para tirar essas dúvidas com a médica.

Depois me pesou, mediu minha pressão, mandou fazer xixi numa tirinha pra ver os níveis de algumas coisas (não faço ideia, não consegui ver com detalhe o que ela tava marcando) e falou que a médica já ia me ver.

Esperei mais de 2h…

E a médica me passou uns exames, disse que ia me inscrever num rastreio na Maternidade Alfredo da Costa, e disse que o parto tá previsto para 7 ou 8 de junho/2012. Perguntei a ela onde poderia fazer os exames, e ela me falou que em qualquer lugar, e que poderia perguntar pra menina na recepção os lugares disponíveis. Me deu um papel pra ter isenção nas consultas e exames (aqui o Governo paga tudo pelo simples fato de eu estar grávida) e disse que era só. Disse ainda que na próxima vez eu seria atendida por um colega dela que ia acompanhar toda a minha gestação.

Fiquei tão preocupada com a lista de exames pra fazer que nem me lembrei de falar do período de gestação. De qualquer jeito, como não é ela quem vai me atender das próximas vezes, eu nem fiquei muito preocupada, mas confesso que essa coisa de estar apenas de 4 semanas (agora já fazem então 5, segundo estas contas).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s