Xenofobia ainda existe?

Nota: Texto desaconselhado para pessoas sensíveis a vocabulário de baixo calão
E a resposta é… Sim.

Triste, mas é verdade. Esse assunto veio a tona nos meus feeds do facebook e clicando aqui, clicando ali, apareceu a matéria fonte da informação. Confira-a aqui.

Mas isso não é exclusividade de Coimbra não. E muito menos de brasileiros. Ou de mulheres. Nem dos imigrantes africanos.

Homossexuais sofrem demais. Eu não fazia ideia até conversar com uma amiga minha que é gay.

Eu lhe disse que não Continuar lendo “Xenofobia ainda existe?”

E 2012 finalmente chegou!!

Ontem, pra variar, fazia um dia lindo de inverno em Lisboa, e apesar de ter um cardápio complexo pra fazer pra ceia de reveillón, meu lindo marido me convenceu a dar uma voltinha pelo parque. Não com com um barrigão muito avantajado ainda, tô chegando a meio da espera pra segurar meu baby no colo, e todos os médicos e livros recomendam uma rotina de exercícios leves para todas as gestantes. Porque não ir? Continuar lendo “E 2012 finalmente chegou!!”

Aumentando a família

Sim, em breve. Falta pouco tempo pra quem não está gestante, mas pra quem traz a criança parece uma eternidade.

Foi meio que planejado-não planejado, mas deu tudo certo e vai continuar dando.

Como ainda não tenho muita experiência sobre o assunto e como ainda não me sinto grávida, partilho apenas um pouco dos direitos de uma mãe imigrante em terras lusas. Mais pra frente escrevo mais, ainda farei uma pesquisa sobre as maternidades.

A fonte da informação está Continuar lendo “Aumentando a família”